domingo, 18 de fevereiro de 2018

‘Lava Pratos’ em Trizidela do Vale foi “atolado no encharco de lama”

Colocaram propositalmente o local de show dentro de um lamaçal
A Prefeitura de Trizidela realizou ontem, sábado (17), a festa do ‘Lava Pratos’ para encerrar de vez as folias de Carnaval na região. O convite foi feito com ênfase em blogs e rádio, de que seria uma grande festa, tendo como atrações as bandas Skema 5, Zequinha Ribeiro e a renomada banda Chicabana. À princípio era pra ser um arrastão com o trio Zeus, mas devido a fiação baixa das ruas, quem acabou puxando o percurso foi o “Caminhão do Galinha”. Seria um grande evento... A banda se apresentou com capricho para agradar ao público presente, mas...

– No Bairro Aeroporto, próximo à sede do Corpo de Bombeiros, o local erroneamente escolhido pela organização rendeu revolta e causou repercussão negativa. Tudo porque a Prefeitura ignorou a possibilidade de temporal, recorrentes principalmente à noite neste período do ano, e montou o palco de apresentação da banda principal num espaço onde o terreno era um verdadeiro encharco de lama – pois como era de se esperar: choveu, e choveu muito.

Cantor Kiko, da banda Chicabana
O que revoltou os foliões, que foram obrigados a atolar com os pés na lama para prestigiar a apresentação, foi que ao lado, a avenida onde ocorreu o show de Matheus Fernandes no aniversário da cidade permaneceu interditada inutilmente, ocupada apenas pelo camarote do prefeito, além de se considerar que existem outros espaços apropriados para eventos na cidade. Uma das pessoas que participaram reclamou: “Por que não montaram o espaço e a estrutura do show em cima da pista? Fizeram propositalmente para forçar o povo a literalmente ‘descer pra lama’!? Um verdadeiro ato de humilhação e zombaria!”, desabafou.

Contudo, o prefeito Fred Maia – que se auto gaba um dos melhores da região - parece não ter se incomodado com o fato de sua equipe de governo ser péssima em logística e organização. Apenas mandou um recado em um badalado grupo de Pedreiras: “(...) Quem não gostou não vá a mais nada em Trizidela do Vale”.


Como assim prefeito?! Se essas festas são feitas com o dinheiro do povo e para o povo? Trizidela tem dono sim, mas quem manda nela é o povo. Só uma dica.




3 comentários:

  1. Se tivessem em uma igreja Adorando a Deus ninguem se melava de lama. Nada demais isso ai, pra quem é do mundo e vive em festas do mundo como essa ai, onde so tem drogas e prostituição, ta é pouco.

    ResponderExcluir
  2. Engraçado que o povo é quem manda mais na primeira oportunidade, colocam ele pra liderar... e outra a lama caracteriza muitos q o babam... alguns dos porcos que o babam estavam em baixo...

    ResponderExcluir
  3. Esses prefeitos gastam uma dinheirama com esses eventos enquanto serviços básicos para a população, especialmente na área de saúde é programado para não dá certo ou "mata" o povo no cansaço. Além do mais por essas bandas do Médio Mearim se tem o mau costume de interditar as vias públicas, causando transtorno aos usuários. Nesse tal de lava pratos "atolado no encharco de lama" fizeram um desvio que eu acredito ter causado transtorno para muito viajantes que não conhecem as ruelas da cidade. Paciência! O povo tendo seus direitos negado e querendo festa todos os dias. Vai entender.

    ResponderExcluir

Fique a vontade, sua opinião é livre e de grande importância; contudo é de inteira responsabilidade do leitor e não representa a opinião do autor desta página. Prezamos pela ética e pudor. Os comentários serão publicados em até 24 horas após passar por análise.