terça-feira, 15 de novembro de 2016

Relacionamento homoafetivo extraconjugal de Lucas Porto teria motivado assassinato de Mariana Costa…

A polícia maranhense não divulga publicamente, mas atua em uma linha de raciocínio que aponta um relacionamento extraconjugal do empresário Lucas Porto como motivação do assassinato de sua cunhada, a publicitária Mariana Costa.

Essa versão foi levantada nesta terça-feira, 15, pelo programa Brasil Urgente, da Band, com base em fontes policiais, segundo o apresentador José Luiz Datena.

Este relacionamento, segundo Datena, poderia ser, inclusive, homossexual.

Na versão apresentada no programa, Datena frisou que só não ficou claro se a reação de Mariana foi em defesa da irmã, Carolina – mulher de Lucas – ou se dela própria, que manteria um relacionamento com o cunhado e se irritou com a terceira pessoa no caso.

A polícia maranhense nada fala sobre a relação da vítima com o suposto assassino.

E ainda tenta montar este quebra cabeça…

Marco Aurélio D'Eça

0 comentários:

Postar um comentário

Fique a vontade, sua opinião é livre e de grande importância; contudo é de inteira responsabilidade do leitor e não representa a opinião do autor desta página. Prezamos pela ética e pudor. Os comentários serão publicados em até 24 horas após passar por análise.