segunda-feira, 25 de abril de 2016

História da vida real: jovem de Igarapé Grande considerada morta após grave acidente volta a respirar e surpreende a todos

A história da jovem Ethiany Rayane Brandão de Carvalho, de 19 anos, moradora na cidade Igarapé Grande, não tem explicação científica. A jovem dada como morta após ficar gravemente ferida em um grave acidente ocorrido na tarde deste domingo (24), na cidade de Igarapé Grande, surpreendentemente voltou à vida.

Segundo informações do Sargento Abreu, comandante da PM daquela cidade o grave acidente que deixou Ethiany gravemente ferida, ocorreu por volta das 14:10 da tarde deste domingo (24), na MA/119, em frente a subestação da Cemar, na cidade de Igarapé Grande (MA);  Um veículo, modelo Golf branco, placa OJD-4806, que estava sendo dirigido pelo senhor Frederico Lucas Lima Paiva Cavalcante, seguia pela via sentido Bernardo do Mearim à Igarapé Grande, quando foi surpreendido pela a motocicleta XTZ/Yamaha, vermelha, conduzida pela jovem Ethiany Rayane, que entrou na pista de uma vez e colidiu em cheio com o Golf.

A jovem fraturou a perna em três lugares, foi socorrida por Frederico e levada para o hospital Expedito Galvão, em Igarapé Grande. Em seguida foi encaminhada para o hospital de Presidente Dutra.

A jovem foi submetida a uma cirurgia na perna, perdeu muito sangue e estava na U.T.I. No final da manhã desta segunda-feira (15), Ethianny sofreu um ataque cardíaco e após tentarem reanimá-la sem sucesso a mesma foi dada como morta pelos médicos.

Os familiares já estavam com o atestado de óbito em mãos e o corpo da jovem já estava sendo preparado para ser liberado quando ela voltou a respirar e surpreendeu a todos. Ela passou 15 minutos dada como morta e por um milagre divino ela voltou a viver novamente.


Veja as fotos do acidente









Fontes: Carlos Barroso/Carlinhos Filho/Whats/

Um comentário:

Fique a vontade, sua opinião é livre e de grande importância; contudo é de inteira responsabilidade do leitor e não representa a opinião do autor desta página. Prezamos pela ética e pudor. Os comentários serão publicados em até 24 horas após passar por análise.