sexta-feira, 8 de dezembro de 2017

Nenzin é preso nesta manhã na casa de um amigo; confira vídeos

Na delegacia, Manoel Mariano de Sousa Filho, que possui outras três alcunhas: 'Vaqueiro da Barra', Júnior do Nenzin e Nenzin do PV
O ex-candidato a prefeito de Barra do Corda, Manoel Mariano de Sousa Filho, o “Júnior do Nenzim” ou “Vaqueiro da Barra”, de 47 anos, foi preso por volta das 6h desta sexta-feira (08) na casa de um amigo.

“Júnior do PV”, como também era chamada, estava com o pai no momento do assassinato, foi acusado formalmente pela polícia por envolvimento no crime e teve sua prisão pedida ao juiz de Barra do Corda, Antônio Elias Queiroga Filho.

7h – Imagens feitas por um dos agentes da Polícia Civil que participaram do cumprimento do mandado de prisão contra o acusado “Júnior do Nenzin” foram obtidas pelo Blog do Domingos Costa, no início da manhã desta sexta-feira (08). No vídeo abaixo, o filho do ex-prefeito Nezin aparece já preso saindo de dentro da casa amigo em Barra do Corda. Pelas informações da cúpula da Secretaria de Segurança Pública, o ex-candidato a prefeito estava sendo monitorado desde que deixou missa onde o corpo do pai estava sendo velado. Júnior soube do mandado de prisão ainda no local e sequer foi para o enterro em um cemitério do município.


As polícias Civil e Militar esperaram o momento certo para prender o principal acusado pelo assassinato do ex-prefeito do município de Barra do Corda, Nenzin. Por volta das 5h40, veículos da secretaria de Segurança do Estado chegaram à Delegacia da cidade com o Manoel Mariano de Sousa Filho, também conhecido por outras três alcunhas: “Júnior do Nenzin”, “Vaqueiro da Barra” e “Nenzin do PV”.

Confira a chegada do acusado no vídeo abaixo:


Fonte: Domingos Costa

Um comentário:

  1. o nome dele é júnior, conhecido como júnior do nenzin, e não nenzin ou nenzin júnior. coloquem da forma correta para não terem qualquer problema.

    ResponderExcluir

Fique a vontade, sua opinião é livre e de grande importância; contudo é de inteira responsabilidade do leitor e não representa a opinião do autor desta página. Prezamos pela ética e pudor. Os comentários serão publicados em até 24 horas após passar por análise.