quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Equipe de reportagem é coibida por um ex-presidiário de cobrir sessão na Câmara dos Vereadores de Zé Doca

Do blog Domingos Costa



O ex-presidiário Hamurabi Simplicio Cutrim da Silva aprontou novamente! Desta vez, o “homem da mala preta” expulsou uma equipe de TV da Câmara de Vereadores do município de Zé Doca.

Hamurabi, que é chefe de Comunicação do Legislativo zé-doquense simplesmente proibiu por força da guarda municipal que jornalista e repórter cinematográfico fizessem a cobertura da sessão plenária da Casa.

Um completo absurdo!

Vereadores da oposição ainda tentaram impedir a decisão de Hamurabi, mas a força policial fez com que os equipamentos da emissora de TV fossem desligados.

– Prisão e mala preta

No ano passado, Hamurabi posou com mala cheia de de notas de R$ 100 durante o processo eleitoral.

O chefe de comunicação da Câmara que expulsou a equipe de TV posou em agosto de 2016 com uma mala preta repleta de maços de dinheiro em notas de R$ 100 reais (Foto abaixo).

No ano passado, Hamurabi posou com mala cheia de de notas de R$ 100 durante o processo eleitoral.
Hamurabi foi preso no dia 03 de fevereiro de 2007 no Estado do Ceará, depois de protagonizar dois seguidos assaltos à mão armada no centro de Fortaleza, e ainda trocar tiros com uma equipe de peritos do Instituto de Criminalista (IC), como mostra reportagem do site “Diário do Nordeste” (VEJA CLICANDO AQUI!).

Condenado a 8 anos de prisão, o detendo cumpriu parte da pena e ganhou condicional, hoje atua no ramo da política zedoquense.

0 comentários:

Postar um comentário

Fique a vontade, sua opinião é livre e de grande importância; contudo é de inteira responsabilidade do leitor e não representa a opinião do autor desta página. Prezamos pela ética e pudor. Os comentários serão publicados em até 24 horas após passar por análise.