domingo, 23 de julho de 2017

Uma galera jovem saiu pra dar um giro de bike em uma estrada da zona rural de Poção de Pedras e, olha só o que registraram...


O grupo de ciclismo ‘Giro Vai de Bike’ constantemente traça percursos e percorrem quilômetros em rodovias e estradas vicinais da cidade de Poção de Pedras, como forma de exercitar o corpo e incentivar a prática de atividades esportivas pelos demais jovens.

Na expedição de hoje, sábado (22), eles resolveram ir até a piscina natural do Povoado Centro dos Cazuzas, que não deixa de ser um ponto turístico de lazer devido as águas refrigeradoras que brota direto da fonte. Na ida, pararam para registrar foto ao lado de uma centenária árvore frondosa, que mais parece ser uma barriguda (Ceiba glaziovii), situada no caminho do Lago Achado. A árvore perdura há tempos sem ter sido removida, mesmo com a passagem da estrada, que teve que fazer um recuo em sua volta. A turma – que é apaixonada por trilha, adrenalina e esportes radicais, preferiu demorar um pouco mais no povoado e aventurar-se de retornar ao cair da noite.

Regressando, pararam novamente próximo à barriguda para tirar outra foto, eles ficaram encantados com a espessura do caule da árvore. Porém o que eles não esperavam é que supostamente uma sétima pessoa, além das que saíram na foto e do que estava com a câmera do celular, também fosse meter as caras por ali, ou melhor, os olhos. Inusitado e intrigou-me muito, é claro, com certa perícia. 

Veja só!



Notou algo estranho? Se não, então observe:


A princípio, os garotos nem se deram conta das tochazinhas luminosas que surgiram além do reflexo da pupila de seus próprios olhos à luz, algo até normal em certas condições de luminosidade e ISO da foto. Só quando compartilharam no WhatsApp, alguém notou algo estranho e ficou um debate: seria o reflexo de alguma peça das bicicletas, ou alguma aparição sobrenatural? Eu particularmente fiquei curioso porque desde de muito pequeno, passando por esta mesma estrada, ouvi vários relatos dos mais velhos sobre lendas envolvendo o local da árvore. Dizem que, desde que um homem foi encontrado enforcado pendurado nela há muito e muito tempo, coisas estranhas passaram a perturbar o local, tipo: bolas de fogo surgindo; viajantes sentindo calafrios ou mesmo os animais se espantando como se estivessem vendo alguma coisa; e até veículos como motocicletas ficando com sensação de peso na garupa ou em alguns casos, desligando ao passar por baixo. Independente de crendices, o que você acha, leitor? Deixe seu comentário abaixo.



6 comentários:

  1. Rum, isso aí sio é reflexo do flash nas inúmeras balas que tem nessa árvore! Pois acho que nessa árvore deve ter no mínimo uns 500 tiros! Conheço-a dês de criança.

    ResponderExcluir
  2. É o farol de uma D10 kkk

    ResponderExcluir
  3. Este daí é um dos mesmo que apareceu na foto dos jovens do Lago dos Rodrigues.
    Estão lembrados...

    ResponderExcluir
  4. Conversa pra boi dormir nasci e me criei nesse povoado do metal,passei a minha infância toda e adolescência aí .fiz esse caminho por vinte anos até a cidade de poção de pedras.,eu nunca vi nada de estranho nessa árvore, só sei que quando eu nasci há 30 anos atrás ela já existia... só isso nada mais Kkkk...

    ResponderExcluir
  5. Foram dois vagalumes q passaram na hora da foto!��

    ResponderExcluir
  6. Apenas reflexo da luz do bike e do flash.kkkkkk

    ResponderExcluir

Fique a vontade, sua opinião é livre e de grande importância; contudo é de inteira responsabilidade do leitor e não representa a opinião do autor desta página. Prezamos pela ética e pudor. Os comentários serão publicados em até 24 horas após passar por análise.